sexta-feira, 31 de março de 2017

EXECUÇÃO EM ACARI FLAGRADA EM VÍDEO - PMs atiram em dois homens caídos.


APÓS UM CONFRONTO COM POLICIAIS, DOIS HOMENS APARECEM CAÍDOS PRÓXIMOS AO MURO DE UMA ESCOLA (Daniel Piza, em Acari, na Zona Norte do Rio - ONDE NO INTERIOR UMA ALUNA, Maria Eduarda Alves Conceição, 13 anos, FOI BALEADA E MORTA), AO LADO DOS HOMENS CAÍDOS E IMÓVEIS, DOIS FUZIS. OS PMs SE APROXIMAM, RECOLHEM AS ARMAS DOS PROVÁVEIS TRAFICANTES, E FAZEM DISPAROS A QUEIMA ROUPA, NUMA CENA CLARA DE EXECUÇÃO.

Os policias são do 41o. BPM, e foram chamados para intervir num tiroteio entre traficantes da Comunidade da Pedreira. Nesse tiroteio entre os traficantes, a estudante teria sido atingida na cabeça por uma bala perdida.

O COMANDO da Corporação, diante das evidência apresentadas pela imagem feita de um celular e repassada para a imprensa, reconheceu que houve desvio, com "FLAGRANTE ILEGALIDADE" por parte dos policiais, e que o fato será investigado pela CORREGEDORIA DE POLICIA MILITAR

Foi só um dos episódios de violência que ocorreram por toda a CIDADE DO RIO DE JANEIRO NO DIA DE ONTEM.

quinta-feira, 30 de março de 2017

FEBRE AMARELA NO RIO DE JANEIRO - VACINAÇÃO TENTA FORMAR CINTURÃO PARA PREVENIR EPIDEMIA


RIO RECEBE NOVAS DOSES DE VACINA DA FEBRE AMARELA
30/03/2017 » Ascom da Secretaria de Saúde

Materiais serão destinados a 28 municípios listados como estratégicos

O Estado do Rio de Janeiro receberá novos lotes de vacinas nesta quinta-feira (30/3), para destinação aos 28 municípios listados como estratégicos, com base na constante avaliação do cenário epidemiológico no país. As prefeituras poderão fazer a retirada de suas doses tão logo os lotes sejam entregues pelo Ministério da Saúde, conforme garantido em reunião realizada na manhã de hoje. Em Brasília deste ontem, onde defendeu a imunização em larga escala no estado, o secretário de Saúde, Luiz Antonio Teixeira Jr., detalhou a estratégia de vacinação no território fluminense, que vem sendo adotada de forma preventiva desde janeiro, antes mesmo de os primeiros casos terem sido confirmados no estado.

– Precisamos da garantia de novos lotes de doses da vacina para dar continuidade à estratégia de imunizar toda população fluminense. Entre os 64 municípios avaliados como prioritários, 36 já tiveram disponibilizadas doses em quantitativo suficiente para imunizar seus habitantes. Com a garantia que recebemos do governo federal, as demais 28 poderão continuar com suas vacinações em seus postos de saúde, até que tenhamos nova disponibilização de doses pelo Ministério – explicou Luiz Antonio Teixeira Jr., secretário de Saúde.

Na próxima terça-feira (4/1), uma nova reunião técnica no Ministério da Saúde está prevista para definição do fluxo de fornecimento de novos lotes de vacinas para os estados.

Prioridade para habitantes de áreas mais vulneráveis
clique para ampliar

Em todo o estado, a estimativa é de que sejam necessárias entre 8 e 9 milhões de novas doses para imunização de cerca de 12 milhões de pessoas, nos 92 municípios, até o fim deste ano. Com base na avaliação do cenário epidemiológico no território fluminense e nos estados vizinhos (Minas Gerais e Espírito Santo), a Saúde listou 64 municípios prioritários para imunização.

Destes, 36 já tiveram disponibilizadas as doses necessárias para a imunização de seus habitantes. São eles: Aperibé, Areal, Bom Jardim, Bom Jesus do Itabapoana, Cambuci, Cantagalo, Cardoso Moreira, Carmo, Casimiro de Abreu, Comendador Levy Gasparian, Conceição de Macabu, Cordeiro, Duas Barras, Guapimirim, Italva, Itaocara, Itatiaia, Laje do Muriaé, Macuco, Miracema, Natividade, Paty do Alferes, Porciúncula, Quatis, Rio Bonito, Rio das Flores, Santa Maria Madalena, Santo Antônio de Pádua, São Fidélis, São José de Ubá, São Sebastião do Alto, Sapucaia, Silva Jardim, Sumidouro, Trajano de Moraes e Varre-Sai.

Os 28 municípios considerados prioritários são: Araruama, Armação dos Búzios, Arraial do Cabo, Cabo Frio, Campos dos Goytacazes, Cachoeiras de Macacu, Carapebus, Engenheiro Paulo de Frontin, Iguaba Grande, Itaperuna, Macaé, Magé, Miguel Pereira, Nova Friburgo, Paraíba do Sul, Petrópolis, Quissamã, Resende, Rio das Ostras, São Francisco de Itabapoana, São José do Vale do Rio Preto, São Pedro da Aldeia, São João da Barra, Saquarema, Tanguá, Teresópolis, Três Rios e Valença.

Organização para vacinação nos municípios

A estratégia de como se dará a vacinação em cada cidade deve ser definida por cada uma das 92 prefeituras, observando a disponibilidade de doses pelo Ministério da Saúde, a capacidade operacional - como número de postos e pessoal capacitado para o trabalho -, além do armazenamento correto das doses, para que não haja perda de vacinas.


Produção de vacina

No Brasil, a vacina contra febre amarela é produzida pela Fiocruz, no Rio de Janeiro, e entregue ao Ministério da Saúde para definição da distribuição aos estados. Desde o início do ano, o RJ já recebeu mais de 3,1 milhões de doses, retiradas pelos 92 municípios de acordo com suas próprias estratégias vacinais.

- Com base nos pedidos de reposição enviados pelas prefeituras, podemos estimar que 80% do quantitativo já disponibilizado foi utilizado pelas secretarias municipais de Saúde. 

No RJ, nossa estratégia está sendo definida com base na avaliação constante do cenário epidemiológico e vulnerabilidade dos municípios, priorizando áreas rurais e de matas, uma vez o vetor que transmite a doença é o silvestre. Desde de janeiro, estamos focando os esforços nos municípios localizados nas divisas com Minas Gerais e Espírito Santo e fomos ampliando a lista de cidades prioritárias, avaliando a evolução do cenário epidemiológico - detalha Alexandre Chieppe, subsecretário de Vigilância em Saúde.

Prioridade para habitantes de áreas mais vulneráveis

Para dar apoio aos municípios prioritários, a Saúde viabilizou uma parceria com o Corpo de Bombeiros e com a Emater (Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural) para que os agentes de saúde municipais possam agir de forma proativa, chegando às zonas rurais mais distantes e áreas de difícil acesso. Em Casimiro de Abreu, município onde foram confirmados os primeiros casos no RJ, a Saúde esteve presente com o hospital de campanha, que imunizou mais de 6 mil pessoas em 48h.


ADRIANA ANCELMO É A VIZINHA INDESEJADA - PROTESTO CONTRA PRISÃO DOMICILIAR DA CÚMPLICE DE SÉRGIO CABRAL



A ex-primeira dama do Rio de Janeiro Adriana Ancelmo, apontada como cúmplice do marido, o ex-governador Sérgio Cabral, no ESQUEMA CRIMINOSO que desviou bilhões dos cofres públicos e LAVOU DINHEIRO no BRASIL e no EXTERIOR, deixou na tarde / noite de ontem - quarta-feira, 29/03, o Complexo Penitenciário de Gericino (Bangu), na Zona Oeste, para cumprir prisão domiciliar em seu LUXUOSO apartamento no Leblon, Zona Sul. 


Apontada como cúmplice no esquema milionário de recolhimento de propina, Adriana estava presa preventivamente desde dezembro de 2016, foi mandada agora para "casa", após idas e vindas de decisões judiciais. 

Em casa ela não poderá ter TELEFONE e ACESSO À INTERNET, só pode receber visitas autorizadas e identificadas, e só poderá deixar o apartamento, que será conforme promessa da JUSTIÇA vigiado 24 horas por dia, para tratar de assuntos de saúde.

A VIZINHANÇA PROTESTOU, contra o que consideram PRIVILÉGIO concedido a Adriana e também servidores foram para a porta do prédio exibir cartazes exigindo a devolução do dinheiro desviado do Tesouro do Rio de Janeiro.

sábado, 25 de março de 2017

DELATOR BOMBA DA ROUBALHEIRA NO RIO DE JANEIRO VAI FICAR "GUARDADO' NO EXTERIOR.


O ex-presidente do TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO, Jonas Lopes de Carvalho, que se transformou num DELATOR BOMBA, apontando empresas, políticos, prefeitos e conselheiros do próprio Tribunal que presidia, vai para o exterior. A mulher, e o filho, advogado Jonas Lopes Neto, além da nora e os dois netos já estão fora do país. 

A autorização da "viagem" da família, por pelo menos 40 dias, foi concedida pelo ministro do Superior Tribunal de Justiça (STJ), Felix Fischer, e tem a clara intenção de preservar a vida de todos e de garantir que Jonas, que comandou o tribunal de 2011 a 2016, e que deveria ter fiscalizado muitas obras importantes, sustente, sem medo de ameaças, as DELAÇÕES que dizem ter feito, e que envolveriam, as obras da Copa do Mundo e das Olimpíadas, ENROLANDO de forma GRAVE, seis conselheiros e um ex-membro da Corte como integrantes de esquema de propina, além de prefeitos e empresa de prestação de serviço ao governo do RIO durante a gestão do ex-governador Sérgio Cabral.

Para aliviar a sua PENA, e para tentar livrar o filho, JONAS DELATOU gente muito poderosa e, pelo visto, perigosa. As autoridades não se sentem capazes de garantir sua vida aqui no Brasil, até que tudo que disse seja revelado e tenha início a apuração de forma mais profunda.

segunda-feira, 20 de março de 2017

ADRIANA ANCELMO VAI CONTINUAR PRESA EM BANGU

JUSTIÇA REVOGA CONCESSÃO DE PRISÃO DOMICILIAR DA MULHER DE SÉRGIO CABRAL.


O Tribunal Regional Federal da 2ª Região, através de decisão MONOCRÁTICA do 
Desembargador 
Abel Gomes,
revogou a  prisão domiciliar de Adriana Ancelmo,
 atendendo a pedido do Ministério Público Federal.

A ex-primeira-dama do Rio de Janeiro continuará presa em BANGU.

Mais cedo a defesa de Adriana havia informado que o apartamento onde ele ficaria no Leblon, já estava em conformidade com as exigências da JUSTIÇA, faltando ainda ser vistoriado pela Polícia Federal.

Segundo o Site Congresso em Foco

Para o MPF, a revogação da prisão preventiva de Adriana representava favorecimento à ex-primeira-dama, já que milhares de outras mães presas no sistema penitenciário brasileiro não são beneficiados pela medida. Na sexta-feira, Marcelo Bretas liberou Adriana Ancelmo para continuar presa em casa sob o argumento de que ela tem dois filhos de 11 e 14 anos para cuidar. Pelas regras impostas pelo juiz, não poderia haver linha telefônica nem sinal de internet no apartamento da esposa de Cabral. O desembargador concordou com o argumento dos procuradores de que seria difícil fazer esse tipo de fiscalização. Para eles, a ex-primeira-dama poderia movimentar o patrimônio oculto da família.

Em seu despacho, o Desembargador disse que concordava com o Ministério Público.

terça-feira, 14 de março de 2017

SOLANGE PEREIRA NÃO É MAIS SECRETÁRIA DE PEZÃO - RÉ NO STF ELA JÁ TEM CONDENAÇÃO EM SEGUNDA INSTÂNCIA


O MPF "AVISOU" A PEZÃO QUE A SUA AMIGA NÃO PODERIA ASSUMIR NENHUM CARGO PÚBLICO. PEZÃO NÃO PODE MAIS SUSTENTAR A AÇÃO ENTRE AMIGOS.

IMPRENSA RJ 

14/03/2017 

O governador Luiz Fernando Pezão tornou sem efeito, hoje (14/03), a nomeação, publicada ontem (13/03) no Diário Oficial do Estado, de Solange Pereira de Almeida como secretária de Estado de Proteção e Apoio à Mulher e ao Idoso.

A decisão do governador foi tomada após o recebimento de um comunicado do Ministério Público Federal (MPF), com a informação de que Solange de Almeida foi condenada em segunda instância por ato de improbidade administrativa.

A perda do efeito da nomeação será publicada amanhã (15/03) no Diário Oficial. O novo titular da Secretaria será nomeado em breve.

CONTA DE LUZ MAIS CARA - LIGHT CONSEGUE REVISÃO TARIFÁRIA E ENERGIA FICA 10% MAIS CARA NO RIO DE JANEIRO


Consumidores da Light terão reajuste de 9,78% na conta de luz

14/03/2017 
Brasília
Sabrina Craide – Repórter da Agência Brasil

Os consumidores residenciais atendidos pela distribuidora de energia Light terão reajuste de 9,78% nas tarifas a partir de amanhã (15). A decisão foi tomada hoje (14) pela diretoria da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), que aprovou a quarta revisão tarifária periódica da distribuidora.

Para as indústrias, o reajuste será de 11,89%. A empresa atende 3,9 milhões de unidades consumidoras localizadas na capital e em 31 municípios do Rio de Janeiro.

Diferentemente do reajuste tarifário que ocorre anualmente, a revisão tarifária periódica é realizada, em média, a cada quatro anos e tem como objetivo reposicionar as tarifas cobradas dos consumidores após analisar os custos e os investimentos para a prestação dos serviços.

Edição: Lílian Beraldo

NOTA DO BLOG: PARA AUMENTAR É MUTO FÁCIL E RÁPIDO, DIFÍCIL É DEVOLVE RO QUE COBRARAM AMAIS DE FORMA INDEVIDA.

quinta-feira, 9 de março de 2017

GOVERNADOR PEZÃO ESCAPA DA LAVA JATO - JUSTIÇA PEDE ARQUIVAMENTO DE INVESTIGAÇÃO

PGR pede arquivamento de investigação contra governador do Rio na Lava Jato
09/03/2017 
Brasília
André Richter - Repórter da Agência Brasil

A Procuradoria-Geral da República pediu hoje (9) ao Superior Tribunal de Justiça (STJ) o arquivamento do inquérito no qual o governador do Rio de Janeiro, Luiz Fernando Pezão, é acusado dos crimes de corrupção e lavagem de dinheiro na Operação Lava Jato. De acordo com a procuradoria, não há provas que justifiquem a continuidade das investigações.

No pedido enviado ao STJ, o vice-procurador da República José Bonifácio de Andrada, argumenta que o indício de participação de Pezão em uma reunião na qual teria ocorrido uma suposta solicitação de dinheiro para campanha não é suficiente para sustentar uma imputação penal contra o governador. De acordo com as investigações, os recursos teriam sido desviados da construção do Complexo Petroquímico do Rio de Janeiro (Comperj), uma das obras da Petrobras investigadas na Lava Jato.

De acordo com o processo, Paulo Roberto Costa, ex-diretor da Petrobras e um dos delatores da Lava Jato, relatou uma reunião, realizada durante a campanha eleitoral de 2010, quando Pezão concorreu como vice do ex-governador Sérgio Cabral. No encontro, Pezão e representantes de empreiteiras teriam combinado doação de R$ 500 mil para o diretório estadual do PMDB no Rio.

No mesmo parecer, a PGR pediu que acusações contra Sérgio Cabral sejam conduzidas pelo juiz Sergio Moro, da Justiça Federal em Curitiba.

Edição: Amanda Cieglinski