quinta-feira, 30 de março de 2017

ADRIANA ANCELMO É A VIZINHA INDESEJADA - PROTESTO CONTRA PRISÃO DOMICILIAR DA CÚMPLICE DE SÉRGIO CABRAL



A ex-primeira dama do Rio de Janeiro Adriana Ancelmo, apontada como cúmplice do marido, o ex-governador Sérgio Cabral, no ESQUEMA CRIMINOSO que desviou bilhões dos cofres públicos e LAVOU DINHEIRO no BRASIL e no EXTERIOR, deixou na tarde / noite de ontem - quarta-feira, 29/03, o Complexo Penitenciário de Gericino (Bangu), na Zona Oeste, para cumprir prisão domiciliar em seu LUXUOSO apartamento no Leblon, Zona Sul. 


Apontada como cúmplice no esquema milionário de recolhimento de propina, Adriana estava presa preventivamente desde dezembro de 2016, foi mandada agora para "casa", após idas e vindas de decisões judiciais. 

Em casa ela não poderá ter TELEFONE e ACESSO À INTERNET, só pode receber visitas autorizadas e identificadas, e só poderá deixar o apartamento, que será conforme promessa da JUSTIÇA vigiado 24 horas por dia, para tratar de assuntos de saúde.

A VIZINHANÇA PROTESTOU, contra o que consideram PRIVILÉGIO concedido a Adriana e também servidores foram para a porta do prédio exibir cartazes exigindo a devolução do dinheiro desviado do Tesouro do Rio de Janeiro.

2 comentários:

  1. Bom dia ela não está nem aí para as manifestações tem muito dinheiro guardado

    ResponderExcluir
  2. BOM DIA

    Mas os filhos passam vergonha, sofrem sim humilhação. e esse pessoal orgulhoso, não admite ser questionado.

    De um jeito ou de outro, caíram do cavalo.

    ALOISIO

    ResponderExcluir