quarta-feira, 17 de maio de 2017

SERVIDORES DA UERJ ACAMPAM NA PORTA DE PEZÃO - VIGÍLIA EM FRENTE AO PALÁCIO GUANABARA

COMPLEMENTO DO SALÁRIO DE MARÇO - PAGAMENTO DO SALÁRIO DE ABRIL E PAGAMENTO DO DÉCIMO TERCEIRO SALÁRIO, SÃO AS EXIGÊNCIAS DOS SERVIDORES.


SERVIDORES EXIGEM AINDA PAGAMENTO DAS BOLSAS DE ESTUDANTES E RESIDENTES, E PROVIDÊNCIAS PARA QUE A UNIVERSIDADE VOLTE A FUNCIONAR PLENAMENTE

No início da tarde de ontem, SERVIDORES DA UERJ, cansados de esperar por ter seus DIREITOS respeitados e honrados por parte do governo do Estado do Rio de Janeiro, foram até a residência oficial do governador FERNANDO PEZÃO (Que está em Brasília) e fizeram um ato em frente ao palácio Guanabara. 

Foi realizada uma aula pública (AULÃO) ministrada por docentes da universidade e após iniciada uma VIGÍLIA, QUE DEVE SE PROLONGAR NO LOCAL até que uma resposta seja dada, na prática, aos servidores.

4 comentários:

  1. Tem que forçar a barra mesmo! Se não não vai sair pagamento nenhum!

    ResponderExcluir
  2. Parabens aos funcionário da UERJ, esse ato deveria servir de exemplo para todos os funcionalismo do estado, não só no palacio, mas na ALERJ, no TJ, na casa do Pezão, com isso defender seus direitos. Lamentavel a atitude desse governo corrupto e covarde! E para a proxima semana esta previsto a votação na Alerj do pacote de maldades, inclusive o aumento da aliquota de 11% para 14%, que segundo o governo e o presidente da Alerj, ja contam com numero suficiente de deputados para aprovarem as medidas. Vamos ficar de olhos nos deputados que iram votar contra o funcionalismo.

    ResponderExcluir
  3. Eu sou inativa da UERJ, e apoio tudo que estou vendo só não pude ir me juntar, porque o salário de março em meados de maio não deu para pagar nada nem fazer compras.

    ResponderExcluir
  4. O PMDB CONTRA O TRABALHADOR E CONTRA O SERVIDOR.

    NÃO VOTE EM NINGUÉM QUE SEJA DO PMDB

    ResponderExcluir