terça-feira, 14 de fevereiro de 2017

GREVE DA PMERJ - FAMILIARES DEIXAM PORTA DOS BATALHÕES


ACABOU A MANIFESTAÇÃO DOS FAMILIARES DOS POLICIAIS MILITARES DO RIO DE JANEIRO, no que diz respeito à obstrução das entradas dos Batalhões de Polícia.

No 6o. BATALHÃO, um dos que teve a entrada e saída de policiais mais prejudicada, a manifestação terminou ainda ontem. Esposas, filhas e mães de policiais se disseram cansadas, e foram embora, depois de desmanchar barracas e recolher utensílios.

Hoje foi a vez do 3o. BATALHÃO no Méier ver o fim do protesto. Não há mais sinal das mulheres que desde sexta-feira passada praticamente impediram que pelos dois portões da Unidade, viaturas circulassem. 

No DOMINGO faltou PM para policiar o ENGENHÃO. O esquema de policiamento foi montado de improviso, chegou tarde ao ENTORNO do Estádio, e não foi capaz de IMPEDIR as muitas brigas que ocorreram antes da partida. Quatro pessoas foram feridas à bala. Uma delas morreu.

O pagamento dos SERVIDORES da ÁREA DE SEGURANÇA está sendo realizado ao longo do dia hoje. No Blog CONEXÃO SERVIDOR PÚBLICO, ativos da Secretaria de Educação, e ATIVOS da segurança, aposentados e pensionistas, estão informando que o pagamento está sendo feito dentro da normalidade.

As mulheres dos PMs vão embora e homens das Forças Armadas estão chegando.

Algumas áreas específicas da Região Metropolitana do Rio de Janeiro já recebem reforço do Exército e dos Fuzileiros Navais.

Nenhum comentário:

Postar um comentário